Skip to content

Nutrição em Oncologia

 

A alimentação balanceada, proporciona ao nosso organismo nutrientes importantes para o bom funcionamento do sistema imunológico. Acredito que as pessoas que seguem uma alimentação deste tipo, adquirem defesas próprias contra as mais variadas doenças, tornando-se mais fortes que elas, e isso, com certeza, propicia tempo e qualidade de vida maiores.
Um indivíduo bem nutrido, que se alimenta de frutas, verduras, legumes, carnes magras, ovos, cereias integrais e grãos está muito mais bem preparado para enfrentar o tratamento oncológico, isto porque os nutrientes presentes em nossa alimentação potencializam as nossas defesas orgânicas, garantindo o sucesso do tratamento proposto pelo seu médico oncologista.
Muitas vezes deixamos de nos alimentar adequadamente, pelos chamados efeitos colaterais que as drogas administradas nos causam sejam elas pela via endovenosa, intramuscular ou medicamentosa através da quimioterapia e outras vezes pela exposição aos raios, na chamada radioterapia.

 

dietitian-banner

 

Efeitos colaterais
Os efeitos colaterais, são na verdade uma reação ao uso de determinados medicamentos durante os tratamentos (quimioterapia, radioterapia) que ao atacarem as células tumorais podem prejudicar as partes sadias do corpo. São passageiros, as vezes podem ser evitados, e ou controlados com medicamentos paliativos e uma nutrição específica e adequada.

O paciente relaciona determinados alimentos com náuseas, vômitos e outros sintomas, enquanto que a verdadeira causa desses sintomas é a terapia anti- tumoral. Todos esses efeitos dependem do paciente, seu estado emocional, físico e nutricional, e nem sempre são iguais para todos os indivíduos portadores de câncer.

 

Terapia Nutricional

Os objetivos da terapia nutricional no paciente oncológico incluem a prevenção e tratamento da desnutrição; modulação da resposta orgânica ao tratamento oncológico e o controle dos efeitos adversos do tratamento antitumoral. A terapia nutricional é muito importante, podendo prevenir ou reverter esses sintomas, favorecendo o seguimento correto do tratamento proposto pelo seu médico.

Procure dar uma chance ao alimento. Lembre-se que o que parece desinteressante hoje, pode parecer melhor amanhã. É muito importante comer alimentos com bom valor nutricional, já que muitos nutrientes ficam armazenados no seu organismo. Ambiente faz a diferença. Uma boa companhia, mesa bem posta, com alimentos coloridos e variados podem motivá-lo a alimentar-se melhor. Evite alimentos que não lhe agradam.

 

 

IOIS (50202)

ANA CÉLIA DELLOSSO

Nutrição especializada em Oncologia e dietas especiais.

CRN: 0749

 

 

 

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email
Share on print
Preencha o formulário abaixo e nossa equipe irá entrar em contato com você!